10º Edição
Residência
Artística

O projeto de Residência Artística do Red Bull Station é uma plataforma permanente que incentiva e apoia a formação e produção de arte contemporânea. A seleção – feita por meio de edital – contempla artistas preferencialmente no início da sua trajetória profissional. Durante o período de residência, os participantes têm à sua disposição um ateliê e o acompanhamento crítico de um curador. Por 16 semanas eles vivem diariamente uma espécie de laboratório aberto, com palestras, workshops, conversas, trocas e exposições.

_ EDIÇÃO ATUAL

Os residentes

Cezar Sperinde, Ícaro Lira, Lot Amorós, Pedro Cappeletti, Sara Alves Braga e Vanessa de Michelis. Estes são os artistas que ocuparão os ateliês do Station na primeira residência de 2015, a 10ª edição. Esta nova turma foi escolhida pelo júri formado por Giselle Beiguelman, Sandra Cinto e Fernando Velazquéz. A busca foi por formar um grupo que pudesse tanto relacionar-se com a arquitetura do prédio e com o entorno, mas sobretudo que fosse capaz de articular processos criativos colaborativos.

O curador

Fernando Velázquez é mestre em Moda, Cultura e Arte pelo Senac-SP, participa de exposições no Brasil e no exterior com destaque para a Emoção Art.ficial Bienal de Arte e Tecnologia (Brasil, 2012), Bienal de Cerveira (Portugal, 2013 e 2011), Mapping Festival (Suiça, 2011), WRO Biennale (Polônia 2011), On_off (Brasil, 2011), Bienal do Mercosul (Brasil, 2009), Bienal de Tessalônica (Grécia, 2009), Bienal Ventosul (2009), e o Pocket Film Festival no Centro Pompidou (Paris, 2007). Recebeu dentre outros o Premio Sergio Motta de Arte e Tecnologia (Brasil, 2009), Mídias Locativas Arte.Mov (Brasil, 2008), “2008, Culturas” e o Vida Artificial (ambos na Espanha, 2008). Foi curador do Motomix 2007, Papermind Brasil, Dorkbot São Paulo e do Projeto !wr?.

Confira momentos da residência:

Galeria Transitória
Ateliê Aberto
Vídeos individuais
Exposição final
Vídeo Exposição

Residentes desta edição
Galeria