Veja nossa agenda completa de setembro

Setembro promete ser mais um mês de muita energia criativa fluindo pelo Red Bull Station. Além das atividades programadas (todas de graça!), também contamos com wi-fi gratuito, uma biblioteca colaborativa e cafeteria.

Veja abaixo a programação completa e saiba como participar.

Festival Red Bull Basement

Turma da residência hacker Red Bull Basement 2019. Crédito: Felipe Gabriel.
Turma da residência hacker Red Bull Basement 2019. Crédito: Felipe Gabriel / Red Bul Content Pool.

Sob o tema “Visualizações de Mundos” e curadoria de Claudio Bueno, a quinta edição do Festival Red Bull Basement convoca a refletir sobre a multiplicidade de saberes, corpos, tempos, espaços e modos de vida existentes, para além dos padrões e visualizações computacionais atuais.

O evento acontece no dia 14 de setembro, das 10h às 20h, e a entrada é gratuita.

Confirme sua presença: http://bit.ly/2kghzjL.

••• AUDITÓRIO •••

10h30 – 13h30: Espaços Inventados, com Letícia Ramos

A partir dos projetos e processos da artista, este bate-papo/workshop abrirá a programação do Festival Red Bull Basement abordando a construção da imagem em histórias da ciência e da ficção.

25 vagas (inscrições feitas 30 minutos antes do início da atividade, por ordem de chegada)

15h – 15h45: O que as plantas tem a dizer sobre nós? Como podemos escutá-las?

Neste encontro, os residentes Vitor Barão e Lídia Ganhito apresentam seu projeto Plantrix, e também debatem, junto ao professor Doutor Marcos Buckeridge, como a inteligência das plantas pode nos ajudar a pensar um mundo em rede.

100 vagas (inscrições feitas 30 minutos antes do início da atividade, por ordem de chegada)

16h – 16h45: Um novo olhar: gestão de resíduos na economia circular

O bate-papo apresenta o biodigestor desenvolvido pelos residentes Cleiton Emboava e Juliana Silva. Ao lado de Dona Teresa, a catadora de materiais recicláveis mais antiga do Brasil, eles falam sobre economia circular, reciclagem e energia, a partir da redução, reutilização e recuperação de materiais.

100 vagas (inscrições feitas 30 minutos antes do início da atividade, por ordem de chegada)

17h – 18h: Astronomia e Constelações Afro-indígenas Brasileiras

Nesta aula aberta, Germano Afonso Bruno (o maior especialista em astronomia afro-indígena do país) mostra as constelações de diferentes culturas, dando destaque aos povos indígenas, num comparativo às constelações da tradição Ocidental. A atividade se desdobrará na experimentação de um planetário móvel instalado na laje do Red Bull Station, que fará sessões de 20 minutos ao longo do dia.

100 vagas (inscrições feitas 30 minutos antes do início da atividade, por ordem de chegada)

18h15 – 19h: Tecnologias e periferia: inovação criada nas comunidades

O residente Filipe Rimes apresenta seu projeto ComuRede, baseado num dispositivo de alerta sobre o abastecimento de água em comunidades periféricas do Rio de Janeiro. Ao lado da jornalista Thamyra Ribeiro, ele fala sobre tecnologias e inovações inspiradas por contextos de periferias.

100 vagas (inscrições feitas 30 minutos antes do início da atividade, por ordem de chegada)

19h15 – 20h: Inclusão e robôs – Acessibilidade num mundo tecnológico

Diego Renan e Marcelo Assis. Crédito: Felipe Gabriel / Red Bull Content Pool.
Marcelo Assis e Diego Bruno. Crédito: Felipe Gabriel / Red Bull Content Pool.

Marcelo Assis e Diego Bruno, residentes do Red Bull Basement, levam aos visitantes o seu projeto de cão-guia robótico. Junto a Fernando Santos Osório, eles discutem tecnologias robóticas voltadas a questões de acessibilidade.

100 vagas (inscrições feitas 30 minutos antes do início da atividade, por ordem de chegada)

••• PORÃO •••

10h30 – 13h30: Visualizações de dados – Cartografias de redes digitais

Ministrada por Patricia Cornils e Tiago Pimentel, esta oficina apresenta as técnicas de visualização e mineração de dados a partir das redes sociais digitais. A atividade se desdobrará em quatro módulos, que vão desde a criação do aplicativo até coleta e interpretação dos dados.

20 vagas (inscrições feitas 30 minutos antes do início da atividade, por ordem de chegada)

14h – 18h: VR e visualizações 360 – A expansão da Imagem em Conteúdos Imersivos

Este workshop é voltado para a experimentação prática de tecnologias de criação audiovisual em realidade virtual e 360º, assimilando o potencial criativo e a complexidade de uma experiência imersiva. Facilitação de Lyara Oliveira.

20 vagas (inscrições feitas 30 minutos antes do início da atividade, por ordem de chegada)

••• MAKERSPACE •••

11h às 14h: Tecnologias de Navegação

Tecnologias de navegação. Crédito: divulgação.
Tecnologias de navegação. Crédito: divulgação.

Oficina de construção de antenas para uma cartografia de frequências e navegações eletromagnéticas. A pesquisa propõe uma releitura do astrolábio — o instrumento de medição e navegação islâmico do século VI d.C. Facilitação de Thiago Hersan.

20 vagas (inscrições feitas 30 minutos antes do início da atividade, por ordem de chegada)

15h – 18h:  Futuros possíveis: oficina de criação de oráculos pessoais e coletivos

A proposta da atividade, ministrada por Fernanda Monteiro, é reimaginar a tecnologia digital e suas sutilezas por meio da criação de narrativas comunitárias, intuitivas e ainda assim concretas, saindo da dimensão individual para uma leitura coletiva de cuidados e afetos.

20 vagas (inscrições feitas 30 minutos antes do início da atividade, por ordem de chegada)

••• GALERIA TRANSITÓRIA •••

10h – 20h: exposição dos projetos da residência hacker Red Bull Basement 2019

Os residentes dos 5 projetos selecionados – Filipe Rimes; Diego Bruno; Cleiton Emboava e Juliana Silva; Julia Ries; Vitor Barão e Lidia Ganhito – mostrarão, por meio de demonstrações ao vivo e também vídeos, o progresso de seus protótipos durante os dois meses em que estiveram imersos no makerspace trocando ideias e produzindo. Saiba mais sobre cada projeto aqui.

••• GALERIA PRINCIPAL •••

10h – 20h: exibição de filmes

Intercaladas, quatro obras audiovisuais contemporâneas evidenciam como diferentes sociedades do mundo fazem uso de tecnologia para pensar mundos distintos, relacionando-os  a aspectos culturais, sociais, econômicos e outros.

• “Descrito como Real” (2017), 6” – de Vitor César e Enrico Rocha;
• “After Scarcity” (2018), 31”51’ – de Bahar Noorizadeh;
• “Country Ball 1989–2012” (2012), 12″38′ – de Jacolby;
• “Satterwhite Afronauts” (2014), 14″ – de Frances Bodomo.

••• LAJE •••

10h – 20h: Planetário de Constelações Afro-Indígenas

Constelações Afro-indígenas. Crédito: divulgação.
Constelações Afro-indígenas. Crédito: divulgação.

Idealizado por Germano Bruno Afonso e Yuri Berri Afonso, o planetário inflável receberá o público na laje do Red Bull Station. Serão realizadas apresentações de constelações afro-indígenas a cada 20 minutos ao longo de todo o dia para que os visitantes façam uma imersão inédita nesse universo.

Sófalá: Slam de Poesia

Participantes se emocionam durante edição do Sófálá. Crédito: Patrícia Araújo / Red Bull Content Pool.
Participantes se emocionam durante edição do Sófálá. Crédito: Patrícia Araújo / Red Bull Content Pool.

O Sófálá é o nosso programa de torneios de poesia falada. Neste mês, o evento traz discotecagem da DJ Dani Nega, lançamento do livro “Diário Bolivariano”, de Emerson Alcalde, e banca de publicações independentes com a Grandir Edições.

28 de setembro, das 16h30 às 19h / Auditório (100 pessoas)

O Red Bull Station fica no centro de São Paulo, na Praça da Bandeira, nº 137, ao lado do Terminal Bandeira e da estação Anhangabaú do metrô. O espaço possui bicicletário gratuito e funciona de terça à sexta, das 11h às 20h, e aos sábados, das 11h às 19h.

Estão abertas as inscrições para a OCUPAÇÃO #6

[CLIQUE AQUI E INSCREVA-SE PARA A OCUPAÇÃO #6]

Entre os dias 25 de outubro a 30 de novembro de 2019, acontece no Red Bull Station a sexta edição da OCUPAÇÃO, programa que leva artistas e coletivos para ocuparem os ateliês do prédio a fim de inspirar, conectar e transformar a energia criativa da cidade. Pela terceira vez no ano, o espaço de compartilhamento, vivência e intercâmbio de experiências e saberes abre novamente suas portas e dessa vez oferece quatro vagas para coletivos, grupos de estudos, criativos, gestores e/ou produtores culturais que possuam as suas criações direcionadas para o campo de Danças Urbanas ocuparem o edifício.

[CLIQUE AQUI PARA LER A CONVOCATÓRIA COMPLETA]

As inscrições para a OCUPAÇÃO #6 acontecem de 2 a 30 de setembro de 2019 e já podem ser feitas aqui. A seleção dos ocupantes será realizada de forma horizontal por parte da equipe do Red Bull Station, visando contemplar um grupo heterogêneo de participantes e projetos. Os selecionados devem ser atuantes nos campos das Danças Urbanas e seus nomes serão divulgados em 11 de outubro de 2019. Ao longo das cinco edições do programa, 23 selecionados puderam utilizar não só o espaço individual, mas também outros espaços do prédio.

Workshop de dança ocupa a laje do Red Bull Station. Crédito: Patrícia Araújo.
Workshop de dança ocupa a laje do Red Bull Station. Crédito: Patrícia Araújo.

Fizeram parte da OCUPAÇÃO #1 os projetos AddWomenCHRUAColetivo Ouvidor 63Coletivo Abebé e Drag Therapy. “É muito importante poder dividir as dificuldades sobre o projeto e ter o suporte dessa equipe que tanto faz para evoluirmos ainda mais nossas ideias e ações”, conta Flavia Redivo, do Coletivo Ouvidor 63.

Coletivo MagentaFestival A Todo VaporFilipe Grimaldi e Phenomenal Creative ocuparam o Red Bull Station na segunda edição da OCUPAÇÃO. “O programa ajudou na divulgação do meu projeto, além de oferecer espaço para eu apresentar meu trabalho”, diz Filipe Grimaldi. Para o músico e produtor Rafael Lopes, do Festival A Todo Vapor, o prédio foi fundamental como espaço físico de convergências. “Durante a ocupação, foi ali que o festival encontrou seu QG.”

Phenomenal Creative. Crédito: Felipe Gabriel.
Phenomenal Creative. Crédito: Felipe Gabriel.

Os participantes da OCUPAÇÃO #3 foram Aprendendo a ErrarCoralinaJulie Dias e Maternativa. “O encontro com os demais ocupantes, as conversas com a equipe do Red Bull Station, as pontes criadas com novos contatos tudo fez a nossa produtividade acelerar”, conta Ana Laura Castro, uma das sócias da Maternativa. Caique Poi, do Coletivo Aprendendo a Errar, completa: “Sentimos aqui dentro uma “atmosfera de viabilidade”, pois com o suporte que temos, conseguimos concretizar as nossas ideias.”

A OCUPAÇÃO #4 contou com a participação do AfrolabColetivo Lab 63Mag Magrela e Luísa EstanislauProdução Preta e Nazuri. “Ter um espaço que nos deu a oportunidade e a liberdade de colocar em prática tudo que planejamos, desde oficinas à rodas de conversa, foi extremamente importante para nós”, afirma Anderson Pereira Alves, da Produção Preta. “A participação na OCUPAÇÃO permitiu um aprofundamento na pesquisa de campo e nos deu foco de uma forma única, num tempo curto e em um espaço energeticamente intenso”, completa Mag Magrela.

Batekoo, Coletivo Coletores, Lab Desencanto, Sociedade Brasileira de Colagem e a performer Val Souza foram os participantes da OCUPAÇÃO #5. “O Red Bull Station é um espaço que agrega e faz com que nosso trabalho tenha maior visibilidade e alcance mais pessoas”, reflete Mateus de Souza, um dos membros criadores do Coletivo Coletores. “Ocupar artisticamente este local ajuda na construção de ideias, projetos e formas de fazer essa ligação sem abandonar as ideias iniciais e de onde viemos”.

[CLIQUE AQUI E INSCREVA-SE PARA A OCUPAÇÃO #6]